Você está aqui

Não Podemos viver de aparência, tem que haver transformação.

Abas primárias

imagem de Luiz Carlos Hideo Ujita
Enviado por Luiz Carlos Hid... em sex, 10/04/2015 - 10:03

Mateus 9
16 - Ninguém deita remendo de pano novo em roupa velha, porque semelhante remendo rompe a roupa, e faz-se maior a rotura.
17 - Nem se deita vinho novo em odres velhos; aliás rompem-se os odres, e entorna-se o vinho, e os odres estragam-se; mas deita-se vinho novo em odres novos, e assim ambos se conservam.

Remendos são soluções provisórias, não podemos andar por aparências (Mt.23.27), você não pode ser cheio do Espírito Santo vivendo no mundanismo, como receber o novo de DEUS com uma natureza velha sem transformação.

Para compreendermos esta passagem, analisemos como Jesus anunciou o evangelho a duas classes distintas.

O mestre Nicodemos e a mulher samaritana foram evangelizados por Jesus, e através destes exemplos é possível determinar a maneira correta de anunciar aos ouvintes o tesouro da graça de Deus.

Nicodemos representava o melhor da sociedade à época de Jesus. "E HAVIA entre os fariseus um homem, chamado Nicodemos, príncipe dos judeus." (João 3: 1):
religioso exemplar, como mestre Nicodemos era exemplo para o povo;

Por outro lado, a mulher samaritana representava o pior da sociedade à época de Jesus "Porque tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido; isto disseste com verdade" (João 4: 18):
A samaritana era alvo de discriminação social por ser mulher; nem mesmo seu nome é citado.

O que se observa na abordagem de Cristo a Nicodemos e a samaritana?

Jesus anunciou a necessidade do novo nascimento a um dos melhores representante da moral e do comportamento humano, tornando sem valor as qualidades e méritos de Nicodemos para salvação. Não é os rudimentos da lei, o tradicionalismo ou preceitos, ou uma vida regrada, tem que se nascer de novo e viver o novo de DEUS.

Por outro lado, Jesus apresentou uma possibilidade à samaritana, uma representante do que era e continua sendo considerado o pior da moral e do comportamento humano. Jesus demonstra à samaritana que a falta de valores e méritos não obstrui a graça de Deus para a salvação.
Perceba que a mensagem do evangelho é única, porém, a maneira de exposição pode variar conforme o público alvo.
Quando Jesus disse a Nicodemos que é preciso nascer de novo (da água e do Espírito), ele fez referência à Regeneração.
Da mesma forma, foi demonstrado à mulher samaritana que todos que beberem da água que é concedida por Cristo, será criado em seu interior uma fonte que jorra para a vida eterna, ou seja, aos pecadores, a única possibilidade de salvação é proveniente da nova vida (Regeneração) através da palavra (água) de Deus (Espírito).

Reflitam as bençãos do SENHOR em nossa vida não é por nosso mérito, e sim pela nossa fidelidade para com DEUS é uma consequência da busca a DEUS e sua justiça, conforme descrito em Mateus 6:33.
DEUS VOS ABENÇOE.

Comentários

Deus é bom, tendo em vista o homem ser mau, o Senhor recebe a alma do pecador que se arrepende e salva das mãos sujas do diabo e posteriormente do inferno, isto é graça e não mérito humano! Jesus Cristo reina e reinará sempre na minha vida e na vida da minha família! Aleluia! Glória a Deus! Jesus é o nosso Advogado...Amém"